Favorite films

  • Rebel Without a Cause
  • Au Hasard Balthazar
  • Blow-Up
  • Pierrot le Fou

Recent activity

All
  • The Suicide Squad

    ★★½

  • Raising Cain

    ★★★½

  • Ride in the Whirlwind

    ★★★★★

  • Cry Macho

    ★★★½

Recent reviews

More
  • Raising Cain

    Raising Cain

    ★★★½

    O distúrbio de personalidade que jaz no personagem principal é algo subliminar, que aos poucos vai se denotando mais e mais em sua personalidade e ações. Talvez o mais interessante que De Palma constrói seja justamente como tal qual seu protagonista, o filme também parte dessa série de absurdos e delírios que se desencadeiam naquela mais do que familiar realidade americana.

    Com o desenrolar da trama, os aspectos técnicos, progressões dramáticas e instantes melodramáticos vão se tornando mais e mais aparentes.

    Delírio temático que se reflete na forma.

  • Cry Macho

    Cry Macho

    ★★★½

    "Out there, that's the future. Back there, that's the past."

    Essa frase, advinda de outro filme do Eastwood, A Perfect World, se refere a um diálogo entre os protagonistas do filme, que comparavam o ambiente da estrada a uma espécie de túnel do tempo, que denota bem a divisão entre passado e futuro. E este breve diálogo me marcou muito, tanto no âmbito pessoal quanto ao presenciar os filmes do diretor, principalmente seus road movies. Isto porque é uma reflexão…

Popular reviews

More
  • Killed the Family and Went to the Movies

    Killed the Family and Went to the Movies

    ★★★★★

    Eu fico triste
    Só de pensar
    Em te perder
    Em te perder
    Em te perder
    ....

    O filme tem menos de 80 minutos, e ainda é divido em pequenas esquetes com histórias completamente diferentes umas das outras. No entanto, Bressane apresenta tanta controle na direção, que o filme nunca parece bagunçado ou desconectado com o público. Pelo contrário, o diretor adquire uma linguagem logo no começo do filme e mantém a mesma por toda obra, mesmo contando histórias tão diferentes…

  • Rio, North Zone

    Rio, North Zone

    ★★★★★

    Parece-me que o filme parte de uma sentença um tanto quanto simples para construir tudo aquilo que ele vem abordar de uma forma tão complexa: a idealização nunca alcançada como a mais poderosa denúncia social. Digo isso, pois, Nelson Pereira dos Santos desenvolve de forma notável, temática e formalmente essa abordagem mista entre algo idealizado, irreal e o contrastante realismo esmagador daquela periferia carioca, sabendo equilibrar perfeitamente os aspectos que compõe ambas facetas da obra.

    No tocante à parte "idealizada"…